Iniciativa busca identificar gargalos produtivos em ervais brasileiros

lg-e04629a8-8c17-4253-9ec4-d2fe3b97c787b.jpg

Os resultados vão subsidiar ações de pesquisa, transferência e difusão de tecnologias mais eficientes para a cultura da erva-mate, principal produto de origem florestal não-madeireiro do Sul do país

 

 

Uma cooperação entre instituições públicas e empresas privadas lançou um levantamento para identificar os entraves produtivos dos plantios de erva-mate no Brasil.

O objetivo é conhecer, junto aos produtores rurais, os gargalos de produção. Os resultados vão subsidiar ações de pesquisa, transferência e difusão de tecnologias mais eficientes para a cultura da erva-mate, principal produto de origem florestal não-madeireiro do Sul do país. “Trata-se de um estudo prospectivo inédito no Brasil. A ideia é também levantar informações sobre quais tecnologias os produtores adotam em todas as regiões produtoras e o nível de adoção”, explica Ives Goulart, analista da Embrapa Florestas e um dos responsáveis pelo levantamento.

A iniciativa foi idealizada pela Embrapa e UFPR, em parceria com Emater-RS/Ascar, Emater-PR, Epagri, Agraer-MS e pelas empresas Fazenda Água Viva e Data-Matte. Dessa forma, o levantamento alcançará os quatro estados produtores de erva-mate no Brasil: Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Mato Grosso do Sul. "Em pouco tempo de lançamento, já percebemos uma grande adesão dos produtores ao levantamento. Estamos otimistas em consolidar um retrato importante da cultura da erva-mate no país e planejar ações específicas no futuro", finaliza Goulart.

O levantamento está sendo realizado nas versões on line e impressa. O link para uso em PCs, tablets e celulares é https://www.onlinepesquisa.com/s/embrapa_ufpr_erva-mate. Já os formulários em PDF estão sendo enviados aos parceiros para uso presencial com os produtores.

 

 

Fonte: Massa News e Emater

 

Online

Temos 1194 ouvintes online

Últimas Notícias